NOMIA : MERCÚRIO

Na mitologia grega Mercúrio é Hermes, o mensageiro alado dos deuses. Assim, Mercúrio simboliza tudo o que tem a ver com comunicação, escrita e, simbolicamente, com a atividade intelectual. Nas grandes obras mitológicas, curiosamente, Mercúrio se relaciona também com a intrepidez da juventude. Astronomicamente, Mercúrio é o segundo menor planeta do sistema solar. Quer dizer, era. Plutão oficialmente perdeu a classificação de planeta em 2008.

Ainda que pequeno, Mercúrio é o planeta mais próximo do Sol a cerca de 58 milhões de km deste. Com um diâmetro de 4.828 km, a comparação com os 12.756  km de diâmetro terrestre salta aos olhos. Contudo, o que ele não tem em tamanho compensa em rapidez. Mercúrio se move muito rapidamente e completa uma revolução ao redor do Sol a cada 88 dias. Como sabemos, a Terra leva 365 ¼ dias.

Até o século XX, acreditava-se que Mercúrio não realizava movimento de rotação como a Terra faz. Recentes pesquisas mostraram que o pequeno planeta gira sim ao redor de seu próprio eixo a cada 59 nove dias terrestres. Fazendo as contas, vemos que três rotações correspondem a 2 translações. Ou seja, em Mercúrio 3 dias fazem 2 anos!

A simbologia astrológica vê o tipo mercurial como sendo principalmente caracterizado pela destreza ou agilidade. Isto pode se manifestar fisicamente através do movimento, ou mentalmente, através da inteligência. Já que Mercúrio está tão próximo do Sol, não podemos facilmente observá-lo por meio de telescópios. Na prática, quando o planeta está mais próximo da Terra ,ele está entre nós e o Sol. Os manuais para observadores amadores alertam que Mercúrio nunca está visível muito depois do por do sol e não muito antes do nascer do dia. Nossas observações são geralmente mais bem-sucedidas quando feitas durante o dia.

Os antigos certamente ficaram intrigados com esse planeta fugidio e registraram que Mercúrio deveria ser considerado o deus dos ladrões. Pode ser desagradável admitir, mas convenhamos: ladrão eficiente é rápido e inteligente. Do ponto de vista do posicionamento em relação à Terra, nossa visão fica prejudicada pelo fato de Mercúrio geralmente se mostrar bem perto do horizonte e, por isso, a atmosfera da Terra embaça nossa visão.

Para matar um pouco nossa curiosidade, em 1975 as fotos produzidas pela Mariner 10 da NASA revelaram grandes semelhanças entre a superfície de Mercúrio e a da Lua, onde crateras podem ser encontradas. O planeta conta com um campo magnético que o protege dos ventos solares e tudo leva a crer que o interior do astro possui grande quantidade de ferro.

Hoje este pequeno planeta parece despertar pouco interesse na comunidade astronômica. No hemisfério norte, Mercúrio aparece como uma estrela noturna em Março e Abril e como uma estrela da manhã em Setembro e Outubro. Não surpreende que os gregos antigos tenham chamado a estrela da manhã de Apollo e a da noite de Mercúrio. No Egito, dois nomes também foram atribuídos: Set e Horus, configurando a certeza de que “as duas estrelas” se relacionavam ao pensamento.